Evangelização digital: você sabe como fazer em sua comunidade?

Evangelização digital: você sabe como fazer em sua comunidade?

Search

Existe uma ordenança do Senhor para que evangelizemos (Mt 28,19). Essa ordenança é direcionada para todos aqueles que creem em Jesus Cristo. Isso é um fato. Porém, sabemos que ao nos envolvermos mais à frente em ministérios-chave da Igreja, mais essa missão toca nossa vida.

Sacerdotes e representantes da Igreja precisam não só incentivar a todos o papel da evangelização, mas ser o farol, aqueles que lideram e estão completamente. Sabemos que ao longo da formação sacerdotal, algumas dioceses oferecem matérias como “Comunicação Institucional”, “Pastoral da Comunicação” ou “Evangelização e Comunicação” para preparar melhor para essa missão evangelizar.

Mas, de fato, a prática é diferente da realidade e numa sociedade que tem mudado cada vez mais e se tornado cada dia mais tecnológica, a evangelização digital se faz presente. A pergunta que fica é: você está preparado para esse tempo? 

Sociedade e a tecnologia: como são os novos tempos

O sociólogo Zygmunt Bauman dedicou boa parte da sua obra a retratar os impactos e as mudanças na sociedade que fez a transição da era industrial para a da informação. A esse movimento ele deu o nome de sociedade líquida. Isso porque as relações se tornaram muito mais fluídas, superficiais e voláteis.

Esse movimento mostra um indicativo: o grande impacto da tecnologia na vida das pessoas. Pare para pensar por um momento e tente perceber como as pessoas estão conectadas ao digital nos seus dia a dia.

Principalmente com a chegada da pandemia, isso foi acelerado. Mais e mais pessoas têm sua graduação em cursos à distância, trabalham para qualquer empresa do mundo diretamente em sua casa, fazem compras de casa em poucos cliques e se relacionam com parentes e amigos digitalmente na grande maioria do tempo.

A tecnologia impactou e nos tornou mais fluidos, com atenção mais dispersa e cada vez mais ávidos por informação e dinamismo. A Igreja de Cristo tem seu valor imutável, isso não há discussão e vai além das eras. Porém precisamos nos comunicar com as famílias e os jovens com a sua linguagem de hoje.

E como in persona Christ, você tem o papel de ser o bastião dessa transição de comunicação. Não há nenhum mal não saber lidar com a tecnologia atual, muitos são assim e a velocidade que tudo é atualizado faz com que a gente se sinta mais atrás.

Então estamos aqui para te ajudar a iniciar esse processo de evangelização digital em sua comunidade. Mas vamos começar do básico. 

O que é evangelização digital? 

Evangelizar é algo que já está na Igreja desde os tempos primitivos com os apóstolos sendo testemunhas vivas de Cristo e espalhando o seu Reino a todos ao redor. Essa verdade não muda, porém com o passar dos tempos vimos desde missionários indo de cidade em cidade até chegarmos aos tempos de televisionarmos missas e celebrações.

Então, a evangelização digital é um novo passo do ato de apresentar Jesus para as famílias. É estar onde as pessoas estão. Se antes as pessoas estavam nas praças, ali a Igreja estava. Se antes estavam vendo TV, ali a Igreja estava. Agora é a hora da internet.

E você como responsável pela sua comunidade, deve trazer essa realidade para a vida das pessoas não só da sua região, como além. Usando redes sociais, aplicativos de mensagens instantâneas, plataformas de compartilhamento de vídeos e etc.

Mas talvez você não tenha tanta intimidade com a tecnologia. Não mexe muito em celulares ou outros dispositivos, não entende como funcionam as redes sociais ou mesmo não saberia fazer uma transmissão ao vivo sozinho. O próximo tópico é para você. 

Como fazer a evangelização digital? 

Agora vamos um pouco mais à prática, pensando em passos mais simples e básicos. Não queremos complicar o que talvez não seja fácil de você entender. Separamos em 5 grandes lugares onde a evangelização digital deve estar presente na vida das pessoas. Começamos com as redes sociais.

Redes sociais 

Talvez aqui você esteja mais familiarizado, já que possivelmente tenha tido contato com alguma rede social ou tenha perfil nelas. Mas vamos mostrar o que sua comunidade pode e deve fazer para potencializar o relacionamento e o alcance de vidas através delas.

Primeiro de tudo, existem redes e redes. A mais famosa e a mais utilizada atualmente é o Instagram. Porém, existe muito público no Facebook, no TikTok (rede de vídeos curtos) e até no Twitter (rede de textos curtos).

Vamos falar de maneira geral o que você pode fazer em qualquer uma delas:

  1. Postar conteúdos que ajudem as pessoas
  2. Ser presente o maior tempo possível 
  3. Responder a dúvidas e questionamentos de maneira clara 
  4. Ser atual com as tendências mas ter uma linguagem própria
  5. Priorizar as redes sociais maiores 


Essas 5 lições vão ser essenciais. Crie uma conta no Instagram, se tiver bons resultados, parta para outras que façam sentido. Mas sempre com foco onde está a maioria do público.  

Aplicativos de mensagens instantâneas 


WhatsApp e Telegram juntos têm basicamente todas as contas de celulares no Brasil. Impossível alguém não usar algum destes dois aplicativos. Eles são perfeitos para comunicação rápida, em massa e que gere respostas.

O ideal é usar esses apps como uma linha secundária e mais íntima ao que está sendo feito nas redes sociais. O Telegram permite a criação de comunidades com milhares de pessoas. Ou seja, você pode enviar mensagens, fazer enquetes, mandar vídeos, músicas e afins e ainda ter a resposta quase que em tempo real. Proporcionando uma troca genuína.

A chave aqui é estar à disposição das pessoas e ter membros que também façam esse papel de conexão, pois ninguém poderá estar conectado a todo momento.  

Plataformas de compartilhamento de vídeos 

O YouTube é a principal plataforma nesse sentido. Inclusive, ele é um misto de rede social com site de pesquisa. Afinal de contas, milhões e milhões de pessoas diariamente pesquisam sobre tudo e acessam vídeos sobre inúmeros assuntos.

Aqui, você tem um caminho aberto para criar um conteúdo mais robusto e que seja de impacto, como:


  • Missas e celebrações
  • Aulas e ensinos 
  • Testemunhos 
  • Dia a dia da comunidade
  • Perguntas e respostas
  • E muito mais


Aqui vale o ensinamento para as redes sociais. Use as tendências ao favor do seu canal, mas jamais perca a sua própria linguagem.

Transmissões ao vivo 


As transmissões ao vivo ganharam muita força nos últimos anos. E ainda existe muito espaço para elas, principalmente no meio eclesiástico. Muitas pessoas estão impossibilitadas de ir às missas e fazer com que a sua mensagem chegue até elas em tempo real sem grandes investimentos, é a vantagem do digital.

Você não precisa de um grande canal de TV. Com uma câmera, um computador e uma boa conexão com a internet, você consegue transmitir eventos da sua comunidade.

Mas além disso, é possível fazer lives mais simples, com convidados para um bate-papo ou mesmo uma troca de ideias com as pessoas que estão assistindo, aulas e temas expositivos.

As plataformas mais indicadas são o próprio YouTube e também o Instagram, porque estamos onde as pessoas estão. 

Site e conteúdo 


Lembra que a gente falou que evangelização digital é estar onde as pessoas estão? Por exemplo, estar num grande canal de televisão impacta mais pessoas do que um canal menor, certo?

Na internet, essa verdade também existe. Porém, não precisa de investimentos enormes para alcançar um bom público. Você pode ter um bom site, com o que chamamos de SEO – otimizado para ser encontrado com maior facilidade pelos buscadores (Google e outros).

Quanto mais otimizado e mais bem ranqueado o seu site for, mais pessoas o encontrarão e consumirão o seu conteúdo. E aí, o conteúdo no site precisa ter 5 pontos principais:


  • Relevante 
  • Com contexto 
  • Resolva um problema 
  • Honesto com sua proposta
  • Dentro da sua especificidade 


Ou seja, tudo que estiver em seu site precisa atender o que a pessoa está pesquisando de maneira encantadora. 

Conclusão

O importante é dar os primeiros passos. Talvez você ainda não saiba 100% como tomar à frente da evangelização digital em sua comunidade, mas é perfeitamente possível começar.

Neste sentido, você pode contar com pessoas capacitadas para te ajudar. A Agência Kharis é  mais que uma empresa de marketing digital, são pessoas reunidas pelo propósito de fazer o Reino de Deus avançar em todas as áreas, usando técnicas de marketing digital.

Se quiser conversar mais sobre nossas soluções e como pode ajudar sua comunidade nesses primeiros passos, clique no botão abaixo e marque uma conversa com a gente. Será um enorme prazer servir a vocês.

MAIS SOBRE

Institutos e Congregações

No data was found

ÚLTIMOS POSTS

ÚLTIMOS POSTS

Compartilhe:

Junte-se a nossa lista e receba atualizações, artigos e dicas incríveis para potencializar a evangelização.

Não sabe por onde começar?

Precisa de ajuda agora?​

Copyright 2019 – 2022 – Agência Kharis. Todos os direitos reservados. CNPJ: 34.896.772/0001-75

Digite seus dados abaixo